Per citar aquest document: http://ddd.uab.cat/record/115127
Conhecimentos tradicionais e aprendizagem adaptativa : elementos para respostas sustentáveis às mudanças ambientais
Kirsch, Heitor Marcos (Universidade do Estado de Mato Grosso (Brasil))
Filippi, Eduardo Ernesto (Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Brasil))
Luiz Heidrich, Álvaro (Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Instituto de Geociências)

Data: 2013
Resum: O objetivo deste trabalho é demonstrar que processos simbólicos atrelados aos conhecimentos tradicionais locais conferem sentido e identidade e podem representar uma alternativa eficaz para produzir respostas que apresentem características de serem sustentáveis em um horizonte temporal mais longo às mudanças impostas ao meio natural. Parte-se da premissa que os indivíduos aprendem socialmente a modificar seu comportamento e ambiente, associando experiências e memórias enquanto um conhecimento ecológico tradicional fixado sob a forma de valores institucionais de uma localidade. No entanto, a crescente modificação destes componentes produzem novas representações e mecanismos de apropriação simbólica destes espaços, podendo fragilizar sua resiliência e incrementando da vulnerabilidade quando não associados a processos de aprendizagem social. Conclui-se que políticas de planejamento que abordam a temática devem primar por processos decisórios que integrem a dinâmica e um reconhecimento dos valores não mercantis e não instrumentais às suas avaliações e ações.
Resum: The aim of this work is to demonstrate that symbolic processes linked to local traditional knowledge and local identity give meaning and may represent an effective alternative to produce responses that exhibit the characteristics of being sustainable in a longer time frame to the changes imposed on the natural environment. The starting point is the premise that individuals learn socially to modify their behavior and environment, linking experiences and memories while a fixed traditional ecological knowledge in the form of institutional values from one locality. However, the growing modification of these components produce new representations and mechanisms of symbolic appropriation of these spaces, which may weaken their resilience and increasing vulnerability when not associated with social learning processes. We conclude that planning policies that address the theme should excel in decision-making processes that integrate the dynamics and recognition of non-market values and not instrumental to their assessments and actions.
Drets: Tots els drets reservats
Llengua: Portuguès
Document: article ; recerca ; publishedVersion
Matèria: Coneixement tradicional local ; Canvi ambiental ; Resiliència social ; Espai social ; Conhecimento Tradicional Local ; Mudanças Ambientais ; Resiliência Social ; Espaço Social ; Local Traditional Knowledge ; Environmental Change ; Social Resilience ; Social Space
Publicat a: Revibec : revista de la Red Iberoamericana de Economia Ecológica, Vol. 21, Diciembre 2013, p. 29-41, ISSN 1390-2776



13 p, 183.0 KB

El registre apareix a les col·leccions:
Articles > Articles publicats > Revibec
Articles > Articles de recerca

 Registre creat el 2014-01-28, darrera modificació el 2016-06-04



   Favorit i Compartir