Per citar aquest document: http://ddd.uab.cat/record/141223
Análise da eficiência econômica e termodinâmica da produção de soja em primavera do leste
Carvalho, Elisama Fonseca de (Universidade Federal de Mato Grosso (Brasil). Faculdade de Economia)
Faria, Alexandre Magno de Melo (Universidade Federal de Mato Grosso (Brasil). Faculdade de Economia)
Dallemole, Dilamar (Universidade Federal de Mato Grosso (Brasil). Faculdade de Economia)
Gomes, Vallência Maíra (Universidade Federal do Pará, Núcleo de Altos Estudos Amazônicos (Brasil))

Data: 2015
Resum: Mato Grosso é o maior estado produtor de soja do Brasil e o município de Primavera do Leste concentra cerca de 5% da soja regional. O objetivo desse trabalho foi determinar do ponto de vista econômico e ecológico a eficiência termodinâmica dos fluxos energéticos input-output da cultura da soja entre as safras de 2000 e 2010. Do ponto de vista econômico a sojicultura demonstra tendência de compressão da margem econômica bruta. Do ponto de vista termodinâmico, a sojicultura manteve uma eficiência termodinâmica de 3,97±0,4 na relação input-output de energia no período analisado. Os insumos mais importantes no input são os adubos e herbicidas, com participação crescente de combustíveis e fungicidas. Os insumos industriais alcançaram a média de 92,2% dos inputs energéticos no período analisado, enquanto os insumos biológicos (sementes e mão-de-obra) alcançaram 7,7% das entradas energéticas. Conclui-se que o sistema produtivo de soja em Primavera do Leste precisa ser planejado e ajustado para que se torne tendencialmente sustentável em relação à dependência de energia exógena.
Resum: Mato Grosso is the largest producer of soybeans in Brazil and town of Primavera do Leste focuses around 5% regional soy. The aim of this study was to determine the thermodynamic efficiency of the energy input-output flows of soybean harvests between 2000 and 2010. From an economic standpoint, soy production demonstrates trend of economic gross margin compression. From the thermodynamic point of view, the soybean production maintains a thermodynamic efficiency of 3,97±0,4 in relation input-output energy. The most important inputs are fertilizers and herbicides, with increasing participation of fuels and fungicides. The industrial inputs reached the average of 92. 2% of energy inputs in the analyzed period, while the biological inputs (seeds and hand labor) reached 7. 7% of the energy inputs. It is concluded that the production of soybean in Primavera do Leste needs to be planned and adjusted to become sustainable.
Drets: Tots els drets reservats
Llengua: Portuguès
Document: article ; recerca ; publishedVersion
Matèria: Energy flows ; Pesticides ; Soy ; Sustainability ; Mato grosso ; Fluxos energéticos ; Agrotóxicos ; Soja ; Sustentabilidade
Publicat a: Revibec : revista de la Red Iberoamericana de Economia Ecológica, Vol. 24 (Agost 2015) , p. 71-90 (Articles) , ISSN 1390-2776

Adreça alternativa: http://www.raco.cat/index.php/Revibec/article/view/298641


20 p, 306.9 KB

El registre apareix a les col·leccions:
Articles > Articles publicats > Revibec
Articles > Articles de recerca

 Registre creat el 2015-10-09, darrera modificació el 2016-06-04



   Favorit i Compartir