Per citar aquest document: http://ddd.uab.cat/record/142903
Medo e vergonha como barreiras para superar a violência doméstica de gênero
Terra, Maria Fernanda (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo)
d´Oliveira, Ana Flávia Pires Lucas (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo)
Schraiber, Lilia Blima (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo)

Títol variant: Fear and shame as barriers to overcome domestic violence gender
Data: 2015
Resum: Propõe-se compreender, pela vulnerabilidade, como os sentimentos de medo e vergonha associados às situações de violência impactam nas possibilidades de superação da violência doméstica de gênero. Apesar desses sentimentos aparentemente se apresentarem como um problema de cada mulher, a violência doméstica de gênero não é um problema individual (ou do agressor), mas uma questão política e social de violação dos direitos humanos. Analisou-se 16 entrevistas de mulheres com história de violência doméstica. O conceito da vulnerabilidade permite iluminar e analisar a articulação entre aspectos subjetivos das mulheres, nesse caso o medo e a vergonha, com os componentes programáticos e sociais, como as legislações, as políticas sociais e serviços que visam assegurar direitos das mulheres, enfatizando as conexões entre indivíduos, suas relações comunitárias, o contexto sociocultural e econômico mais geral. Articular estas diferentes dimensões do problema é fundamental para abordar a violência de gênero e os processos para a sua superação.
Resum: The objective is to understand – by means of the vulnerability concept – how the feelings of fear and shame associated with violent situations have an impact on the possibilities of women overcoming gender-based domestic violence. Although these feelings are considered a problem and are expressed according to each woman’s personal viewpoint, this article argues that the relationship between them and gender-based domestic violence is not an individual problem; rather it is a social and cultural violation of human rights. Based on sixteen interviews with women with a history of domestic violence, the vulnerability concept was used to analyse the relationship between the subjective perspectives of the interviewees and the programmatic and social components that make these women vulnerable. This is turn permitted the analyse of women’s social representations in relation to violence and to the means of confronting it, as well as women’s objective and subjective relationship with health services.
Drets: Aquest document està subjecte a una llicència d'ús Creative Commons. Es permet la reproducció total o parcial, la distribució, la comunicació pública de l'obra i la creació d'obres derivades, fins i tot amb finalitats comercials, sempre i quan es reconegui l'autoria de l'obra original. Creative Commons
Llengua: Portuguès.
Document: article ; recerca ; publishedVersion
Matèria: Violência baseada em gênero ; Vulnerabilidade ; Medo ; Vergonha ; Gender based violence ; Vulnerability ; Fear ; Shame
Publicat a: Athenea digital : revista de pensamiento e investigación social, Vol. 15 Núm. 3 (noviembre 2015) , p. 109-125 (Artículos) , ISSN 1578-8946

Adreça alternativa: http://www.raco.cat/index.php/Athenea/article/view/10.5565-rev-athenea.1538
DOI: 10.5565/rev/athenea.1538


17 p, 167.3 KB

El registre apareix a les col·leccions:
Articles > Articles publicats > Athenea digital
Articles > Articles de recerca

 Registre creat el 2015-11-06, darrera modificació el 2016-06-04



   Favorit i Compartir