Google Scholar: cites
Trajetória e estado corrente da sociometria brasileira
Araújo, Uajará Pessoa (Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Brasil))
Mendes, Maria de Lourdes (Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Brasil))
Gomes, Patricia Alburquerque (Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Brasil))
Coelho, Simoni de Cássia Pinto (Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Brasil))
Vinícius, Wayne (Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Brasil))
Brito, Mozar José de (Universidade Federal de Lavras (Brasil))

Títol variant: Trajectory and current state of Brazilian sociometry
Data: 2017
Resum: Foram analisados 573 trabalhos de autores brasileiros ou publicados no Brasil que empregaram softwares sociométricos. O propósito foi descrever criticamente a trajetória do arranjo de sociometristas no país, que somou 1013 pesquisadores distribuídos em cinco componentes maiores, uma dezena de outros menores e uma maioria de inexpressivos. Como método, favoreceu-se uma abordagem objetivista, ancorada na teoria das redes e em postulados bibliométricos. "Leis" e hipóteses foram apresentadas, testadas e não refutadas: de Lotka, de Bradford, modelo de difusão, relevância dos Programas de Pós-Graduação, free-scale state, small world, homofilia e configuração centro-periferia. Os resultados levam à admissão que a produção sociométrica brasileira foi encontrada consoante às principais indicações teóricas, tanto bibliométricas quanto da análise de redes sociais. Contudo, registra-se que cada vez mais a sociometria se converte em uma ilustração da bibliometria, basicamente nas áreas de Administração, Ciências Contábeis, Turismo e de Ciência da Informação - declinante como novidade, e qualquer meta-análise mais aprofundada é inviabilizada pela parca caracterização estrutural dos arranjos estudados; a maioria em um corte transversal sobrepondo em um desenho único toda a dinâmica do arranjo. Dessas constatações, procurou-se dar conta de algumas alternativas à sociometria praticada no país e recomendar um modelo de pesquisa sociométrico mais rigoroso.
Resum: A total of 573 papers from Brazilians authors or published in Brazil using sociometric software's were analyzed. The purpose was to critically describe the trajectory of the arrangement of sociometrists in the country, which added 1013 researchers distributed in five major components, a dozen other smaller and a majority of expressionless. As a method, we favored an objectivist approach, anchored in the network theory and in bibliometric "Laws" hypotheses. Hypotheses were presented, tested and not refuted: from Lotka, from Bradford, diffusion model, relevance of Post- Free-scale state, small world, homophily and center-periphery configuration. The results lead to the admission that the Brazilian sociometric production was found according to the main theoretical indications, both bibliometric and social network analysis. However, it is recorded that increasingly sociometry becomes an illustration of bibliometrics, basically in the areas of Administration, Accounting, Tourism and Information Science - declining as a novelty, and any more in-depth meta-analysis is made unfeasible by the weak structural characterization of the studied arrangements; the majority in a cross-section overlapping in a unique design all the dynamics of the arrangement. From these findings, we tried to account for some alternatives to sociometry practiced in the country and to recommend a more rigorous sociometric research model.
Drets: Aquest document està subjecte a una llicència d'ús Creative Commons. Es permet la reproducció total o parcial, la distribució, la comunicació pública de l'obra i la creació d'obres derivades, fins i tot amb finalitats comercials, sempre i quan es reconegui l'autoria de l'obra original. Creative Commons
Llengua: Portuguès
Document: article ; recerca ; publishedVersion
Matèria: Sociometria ; Pesquisa científica ; Método quantitativo de pesquisa ; Brasil ; Sociometry ; Scientific research ; Quantitative research method ; Brazil
Publicat a: Redes : revista hispana para el análisis de redes sociales, Vol. 28 Núm. 2 (2017) , p. 97-128 (Confianca, relacoes e inovacao) , ISSN 1579-0185

Adreça original: https://revistes.uab.cat/redes/article/view/v28-n2-araujo-gomes-coelho-vinicius-brito
Adreça alternativa: https://www.raco.cat/index.php/Redes/article/view/329408/419991
Adreça alternativa: https://www.raco.cat/index.php/Redes/article/view/329408
DOI: 10.5565/rev/redes.706


32 p, 1.7 MB

El registre apareix a les col·leccions:
Articles > Articles publicats > Redes
Articles > Articles de recerca

 Registre creat el 2017-10-09, darrera modificació el 2020-08-09



   Favorit i Compartir